Lisboa é daquelas cidades que pedem uns dias a mais para curtir de verdade cada cantinho. Não apenas pelos vários pontos turísticos, mas também pela sua rica gastronomia, a capital lusitana não é daquelas que você vai só de passagem. Para conhecer Lisboa do jeito que a cidade merece reserve quatro dias ou mais e explore bem cada local. E entre os muitos passeios disponíveis na cidade, guarde um tempinho para sentar em uma mesinha de um café charmoso (em Lisboa tem um deles em cada esquina) e ver a vida passar, observando a rotina dos lisboeta e se conectando ainda mais com a cidade.

 

Neste post, sugerimos um roteiro de quatro dias por Lisboa, para não deixar de conhecer os pontos mais importantes dessa cidade que encanta e acolhe como poucas pelo mundo afora. Confira!

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Primeiro dia:

Para conhecer uma cidade a fundo, nada melhor do que saber mais sobre a sua história. Começar a explorar Lisboa por onde ela nasceu, é um bom começo. Por isso, no primeiro dia não deixe de visitar o Castelo de São Jorge. Construído pelos mouros no século 11, a construção dá uma vista panorâmica da cidade. E a melhor parte é que, para chegar ao castelo, você pode pegar um bonde (que sai da Praça da Figueira) e se sentir um local enquanto aprecia a paisagem. E ainda passar pelo Largo Portas do Sol, conhecendo assim, importantes pontos turísticos de Lisboa.

 

Depois de ver o castelo, uma boa ideia é seguir para o Miradouro de Santa Luzia que oferece uma vista de tirar o fôlego. Assistir o pôr do sol de um dos diversos miradouros de Lisboa também é um excelente programa. Aproveitando as redondezas, por que não se perder pelas ruas de Alfama? As pitorescas ruelas desse tradicional bairro mostram um pouco da essência da capital. E, pelo caminho, faça uma pausa na Igreja de Santo António de Lisboa, local onde o santo nasceu, em 1195.

 

Continuando o passeio, siga até a Praça do Comércio e escolha um dos vários restaurantes para provar a genuína culinária portuguesa.

 

02.2 Torre de Belém Lisboa

 

Segundo dia:

Depois de desbravar os bairros tradicionais de Lisboa, uma boa pedida é ir até Belém, onde fica a famosa Torre de Belém e o local mais antigo a servir o tão desejado pastel de Belém. A Torre, construída no século 14 vale a visita não apenas pela sua história, mas pela beleza exuberante da construção.

 

Em seguida, caminhe às margens do Rio Tejo e visite o Padrão dos Descobrimentos, outro ponto turístico disputado de Lisboa. Por ali também fica o Mosteiro dos Jerónimos e a Igreja Santa Maria de Belém. Ah! E não deixe de visitar a Antiga Confeitaria de Belém que, desde 1837, serve o mais gostoso pastel de Belém com uma receita pra lá de secreta.

 

Para terminar o passeio, visite a LX Factory, um dos locais mais cools e badalados da cidade com lojinhas, restaurantes e baladas para os mais animados. Se a fome apertar, uma boa dica é parar no Mercado da Ribeira e se deliciar com os pratos. Para curtir a noite, a Pink Street e o Cais do Sodré são locais bem animados e cheios de bares.

 

02.3 Vasco da Gama Lisboa

 

Terceiro dia:

Para quem curte umas comprinhas, chegou a hora. Comece o dia pelo Oceanário de Lisboa e depois siga para o Centro Comercial Vasco da Gama, um shopping de grande estrutura, lojas para todos os gostos e que é ainda de fácil acesso, já que é ligado ao Parque das Nações (que, aliás, vale a pena caminhar por lá) e ao metrô.

 

Uma dica bem legal é passear no fim de tarde pelo bairro do Príncipe Real, um dos mais caros de Lisboa. Por ali há ainda diversas opções para um jantar mais sofisticado.

 

02.4 Elevador de Santa Justa Lisboa

 

Quarto dia:

Para finalizar o seu passeio por Lisboa, uma boa ideia é pegar o Elevador de Santa Justa e apreciar a cidade de um outro ângulo. Também vale a pena visitar a Escultura de Fernando Pessoa e a Praça Luís de Camões.

 

E para quem gosta de história, que tal almoçar no café frequentado pelo poeta Fernando Pessoa e que até hoje guarda suas memórias e objetos pessoais? O Café Martinho da Arcada tem tudo isso e ainda um dos melhores pratos de bacalhau da cidade.