Parques da Disney em Orlando

Há quem defina Orlando como Disney, apesar de ser muito além disso, temos que admitir que a atmosfera criada pela “fábrica de sonhos” realmente toma conta da cidade. Além dos imperdíveis parques da Universal, os parques da Disney em Orlando dominam grande parte do roteiro dos turistas. É muito comum ouvir dúvidas de que parques visitar, mas é interessante que após conhecer um pouco de cada, você tire suas próprias conclusões. Afinal, gosto não se discute, não é mesmo? Às vezes o que é interessante para um, não tem graça para o outro, além de se levar em consideração o perfil e a idade dos viajantes.

orlando-disney-mapa

Conheça um pouco das principais características dos 6 parques da Disney em Orlando:

Magic Kingdom

O Magic Kingdom é o ícone da Disney, foi o primeiro parque da cidade, inaugurado em 1971 e o seu centro é o famoso castelo da Cinderela. Digamos que é o parque que mais carrega tradição, cada canto tem detalhes de toda a magia criada e vista nos filmes da Disney, assim como os personagens mais conhecidos. Talvez seja o parque com menos adrenalina, entretanto, tem potencial para que seja o que gere mais emoção não só nos pequenos, mas também nos adultos, afinal, as lembranças da Disney fizeram parte da infância da maioria dos visitantes.

O parque é dividido em 6 áreas, chamadas em inglês de ‘lands’: Main Street, Adventureland, Frontierland, Liberty Square, Fantasyland e Tomorrowland. Cada uma possui um visual característico, sua própria música de fundo e atrações que tenham a ver com o tema.

Quem vai ao Magic Kingdom não pode pensar em ir embora sem assistir ao show que rola à noite, caso contrário, seria uma experiência incompleta. O Happily Ever After é um super show de fogos, projeções e músicas de clássicos da Disney que acontece no castelo e ao redor dele, é um verdadeiro espetáculo! Outra atração que ocorre em horários específicos do dia são as paradas, consideradas parte integrante do parque, é onde é possível ver todos os personagens de uma só vez.

happily-evermagic-kingdom

Curiosidade: o Magic Kingdom é baseado na Disneyland, o primeiro parque que Walt Disney criou, em 1955, localizado no distrito de Anaheim, na Califórnia.

Hollywood Studios

Como o nome mesmo já diz, o tema do parque Hollywood Studios é cinema, como se lá fosse um estúdio com diferentes cenários. É o menor parque da Disney, mas aquele clichê “tamanho não é documento” se encaixa bem em sua definição, pois agrada a todos os tipos de público, tem atrações especificamente para crianças, assim como os brinquedos mais radicais de toda a Disney: a torre do terror que despenca e a montanha russa do Aerosmith.  Além disso, o parque conta com simuladores, musicais, shows divertidíssimos, e está constantemente passando por mudanças e trazendo mais novidades ao público.

Hollywood Studios

Obs.: no Hollywood Studios também há espetáculos à noite, o Fantasmic e o show de fogos do Star Wars.

Epcot

Epcot

O Epcot foi o segundo parque da Disney construído em Orlando, e sua sigla significa Experimental Prototype Community Of Tomorrow, atualmente ele segue duas linhas: Future World, com muita tecnologia e atrações futurísticas, e o World Showcase, que tem como objetivo a união entre as nações, onde o visitante pode imergir na cultura de 11 países em apenas uma viagem, cada pavilhão é como se fosse uma “miniatura” do país que representa, trazendo elementos típicos tanto na arquitetura, como nos detalhes decorativos, culinária, vestimenta, lojas, entre outros.

É um parque que divide opiniões, apesar de ter brinquedos infantis, o Epcot pode interessar mais aos adultos, tanto é que muitos o colocam como parada obrigatória. É lá que está o Soaceshio Earth, a famosa “bola gigante” que todos tiram foto, que não é apenas interessante por fora, por dentro há um passeio pela história do mundo.

Dica: não deixe de ir no Soarin, um simulador de asa delta que é considerado uma das melhores atrações do parque, assim como o Mission Space, um simulador espacial que dá a sensação de gravidade zero.

Obs.: o Epcot também tem em sua programação um show de fogos noturno, chamado Illuminations. Depois do show do Magic Kingdom, esse é classificado como o melhor.

Animal Kingdom

O Animal Kingdom é o parque mais novo (inaugurado em 1998), e tem um perfil diferente dos outros, é mais ligado à natureza e aos animais, mas sem perder os detalhes tão característicos da Disney. Atualmente o parque se divide em 7 áreas: Africa, Asia, Dinoland U.S.A., Discovery Island, Oasis, Rafiki’s Planet Watch e Pandora – The World of Avatar (lançada recentemente).

São diferentes tipos de atrações, mas entre as mais requisitadas está o Kilimanjaro Safaris, um safari real com diferentes tipos de animais selvagens que ficam soltos em uma área que simula alguns biomas da África, o famoso show circense com os personagens do filme Rei Leão, a montanha russa Expedition Everest, uma das mais radicais da Disney, e por último, mas que tem sido a maior recomendação dos últimos tempos é o novo simulador 4D Flight of Passage, que simula um voo como se você fosse um banshee (seres voadores do mundo de Pandora).

Dica: é no Animal Kingdom que está a famosa “tree of life”, uma árvore enorme que possui diversos animais esculpidos em seu tronco, o local onde os visitantes mais tiram fotos em todo o parque.

Typhoon Lagoon e Blizzard Beach

Esses são os dois parques aquáticos da Disney, ótimas opções para quem vai para Orlando no verão, o Typhoon Lagoon é o maior e mais popular, que além de diversos tobogãs, atrações divertidas, piscina de ondas, tem até mergulho com tubarões (de verdade!). Já o Blizzard Beach é pequeno e geralmente mais vazio, mas possui brinquedos aquáticos de todos os níveis e para todas as idades, inclusive abriga um dos maiores toboáguas da cidade.

Dica para quem vai aos parques da Disney

  • Seja qual for o parque, a primeira coisa a se fazer ao chegar é pegar um mapa. Entenda a sua localização, trace a rota que deseja fazer e marque os brinquedos que mais tem interesse.
  • Ao planejar a sua viagem à Orlando, pesquise sobre os parques e suas atrações, se você chega lá já sabendo o que quer e o que não quer, evita perder tempo em algumas filas.
  • Chegue cedo nos parques, é o horário mais tranquilo e é a melhor forma de conseguir aproveitá-lo o dia inteiro com mais calma.
  • Conheça o FastPass+, uma ferramenta gratuita muito útil em qualquer parque da Disney. Funciona como uma reserva na fila, você reserva o horário que deseja ir em determinada atração, e, ao chegar no horário marcado, você pega uma fila diferenciada, que é sempre menor do que a fila normal. Entretanto, você só pode usar 3 por dia e existe uma quantidade limitada de FastPass para cada atração, por isso é recomendado já deixar agendado os seus FastPass o quanto antes pelo site da Disney.
  • Para pegar o contra fluxo dos parques, prefira fazer o caminho anti-horário.
  • Vá sempre com roupas e, principalmente, sapatos confortáveis, porque você vai andar (muito!!!).
  • Utilize o aplicativo My Disney Experience, por ele você pode acompanhar como estão as filas no momento, assim como obter informações específicas e encontrar determinados locais.
  • Apesar dos parques possuírem muitas opções de lanchonetes e restaurantes, elas costumam ter um preço mais salgado, então se não quiser gastar muito, prefira pagar apenas pelas principais refeições e leve alguns snacks na mochila.