A maioria dos viajantes que vão para Santiago procuram ir no inverno para poder curtir a neve e as estações de esqui da Cordilheira dos Andes, a capital por si só já é culturalmente e turisticamente interessante, mas sem dúvidas as montanhas nevadas somam ainda mais ao roteiro. Mas como as estações não ficam na cidade, é fundamental estar por dentro de algumas dicas e informações importantes na hora de planejar a sua viagem.

Valle Nevado

O Valle nevado é a maior e mais estruturada estação de toda a América Latina, chega a 3.200 m de altitude e está a 63 km de Santiago, que é onde está o aeroporto mais próximo. O trajeto dura cerca de 1h30, é intenso, cheio de curvas e muita subida, mas a recompensa está por toda parte: um belo visual. Pelas particularidades da estrada e possível excesso de gelo na pista, recomenda-se ir apenas de transfer, garantindo uma viagem mais tranquila (Obs.: não há transporte público até lá).

  • Hospedagem no Valle Nevado

Para que você entenda melhor, o Valle Nevado não é um vilarejo, nem uma cidade, é um complexo que possui apenas 3 hotéis: Hotel Valle Nevado (5 estrelas), Hotel Puerta Del Sol (4 estrelas) e Hotel Tres Puntas (3 estrelas). Já adiantamos logo que na alta temporada o valor das diárias é alto em qualquer um deles, porém, possuem ótima estrutura e serviços.

Além dos hotéis, existem alguns condomínios com apartamentos para locação. Fora essas opções de hospedagem, também tem algumas opções de restaurante dentro do complexo. Pela alta dos preços e pouca variedade, muitos turistas apenas fazem um bate-volta e se hospedam em Santiago mesmo, em Farellones ou El Colorado (falaremos mais abaixo).

  • Temporada de neve

Não tem como saber a data exata, porque existem variações a cada ano, mas na teoria a temporada de neve ocorre entre junho e setembro. Mas lembre-se: não há garantias, principalmente quando a viagem está programada para o início ou fim da temporada. Em outras épocas do ano é possível ver neve no pico das montanhas, mas não o suficiente para as estações continuarem abertas.

  • Quanto custa esquiar no Valle Nevado?

Além do transporte até a estação e a hospedagem (caso fique por lá), esquiar ou praticar snowboard envolve diferentes custos, entre eles: aluguel de roupa térmica para neve, aluguel do equipamento, ticket do teleférico que leva até às pistas, o valor das aulas (se nunca praticou, não pule esse item) e claro, as despesas com alimentação ao longo do dia.

Sejamos sinceros: não é barato, ainda mais se o intuito for ficar mais tempo, mas sem dúvidas é uma experiência única, vale a pena o investimento. Para diminuir um pouco os custos, você pode alugar a roupa e os equipamentos em Santiago, caso encontre preços mais em conta, mas leve em consideração o espaço no veículo para conseguir carregar tudo.

Se o objetivo é só conhecer a estação, sem se arriscar nos esportes, você paga apenas pelo transporte, ticket do teleférico e refeições. Mas se quiser andar pela neve, é indicado alugar a roupa da mesma maneira, pois a neve molha e, claro, faz muito frio.

Obs.: tem um ônibus gratuito que roda dentro do complexo, vai da área dos hotéis até o centro de visitantes, estando hospedado ou não, você pode utilizar.

Dica: Se for fazer um bate-volta, evite ir aos finais de semana, as estradas ficam extremamente cheias e com trânsito parado.

Farellones

O Parque Farellones está apenas a 30 km de Santiago, é uma estação na parte mais baixa da montanha, é pequena, não tem grandes pistas de esqui e nem a mesma estrutura do Valle Nevado, mas é uma ótima alternativa para os turistas que querem o primeiro contato com a neve e um dia de diversão. O ingresso inclui teleférico, tobogã na neve, tirolesa, fat bike (bicicleta de pneu largo), esquibunda, além de aulas de esqui e snowboard para iniciantes.

Algumas agências em Santiago costumam incluir Farellones no mesmo dia de passeio ao Valle Nevado, mas não indicamos, é pouco tempo para muitas atrações, pode ser mais cansativo do que proveitoso. Portanto, procure por um transfer que vá especificamente para essa estação e aproveite o dia. Quanto às roupas, se preferir, podem ser alugadas por lá mesmo.

Outro ponto positivo é a hospedagem, apesar de ser uma pequena vila, simples e rústica, tem opções mais baratas do que no Valle Nevado, sendo assim, você pode ter a experiência de ficar nas montanhas e desfrutar de diferentes estações, já que está no “meio do caminho”.

El Colorado

El Colorado está acima de Farellones, a 36 km de Santiago. É uma das estações mais antigas da Cordilheira dos Andes e totalmente voltada para a prática de esportes. São 22 pistas de diferentes níveis, vai do iniciante ao avançado e possui uma boa estrutura com lojas e restaurantes. Os custos são os mesmos do Valle Nevado (ticket do teleférico + aluguel de equipamento + aluguel de roupas + o valor das aulas), porém, mais barato.

Obs.: Em El Colorado também existem algumas opções de hotéis e apartamentos para aluguel.